domingo, 1 de junho de 2014

Hard Rock Café, Santiago do Chile

Situado à Avenida Andrés Bello, 2425, no bairro da Providencia em Santiago do Chile, o Costanera Center é um complexo de prédios empresariais com um grande shopping interligando os edifícios. Nesse shopping de 5 andares, fizemos algumas de nossas refeições e utilizamos a casa de câmbio em uma situação de bolso vazio (taxa ruim como a do aeroporto, mas útil em uma emergência).


Foi nesse shopping que encontramos um dos restaurantes da franquia do Hard Rock Cafe para jantarmos. Dica do casal de amigos que nos acompanhou nessa viagem.

Ainda não reservou seu hotel em Santiago? Temos 10 dicas de hotéis pra você.


Nossa avaliação:

1. Ambientação - Nota 10

O ambiente tenta seguir o padrão da franquia, então não foi surpresa encontrarmos fotos, guitarras, jaquetas, discos e outros itens autografados pelos artistas e espalhados pelas paredes do lugar. O diferencial dessa casa foi o tamanho do palco, pronto para a apresentação de uma banda de rock (claro) que começaria às 22h30. E tem a clássica lojinha com a marca “Hard Rock Cafe”, sempre, logo na entrada do bar.


Aproveitando nossa primeira noite em Santiago, escolhemos a área dos sofás para sentarmos e pedimos então uma bebida pra brindarmos mais uma viagem que começava!



2. Gastronomia - Nota 7

A escolha da comida foi outra indicação dos nossos amigos (acostumados a visitar os bares Hard Rock de todas as cidades que já visitaram). Começamos com o Jumbo Combo. É a melhor opção pra quem quer conhecer a comida do local, pois tem um pouco de tudo: vem com pedaços de frango empanado bem crocantes, cebolas empanadas, coxas de frango com molho barbecue, rolinhos de carne BEM picantes sobre um salada e batatas gratinadas com bacon e queijo. Já entendeu, não é? Não tem nada light..., nem mesmo a salada, mas é tudo muito gostoso! Então, coma sem culpa!


Em seguida, pedimos as Fajitas ou Burritos... Foi um processo...! É um prato pra gente montar como quiser: vem uma porção de tortillas (massinhas assadas que lembram um wrap) pra rechearmos com cada item que acompanha o prato: escolhendo entre carne vermelha, frango, camarão, vegetais refogados, salada, molho e o diferente guacamole mexicano (pasta de abacate, tomate, cebola, coentro, limão e pimenta). Como gosto não se discute..., esse prato não foi unânime. Talvez porque cada um de nós tenha montado sua fajita de um jeito diferente. Nós colocamos um pouquinho de TUDO que estava disponível no prato e ADORAMOS. É leve, sem tanta fritura e de sabor suave. E o guacamole? Diferente para o nosso paladar brasileiro, mas saboroso. Aprovado!


Devíamos ter parado por aqui..., pois já estávamos satisfeitos. Mas na ânsia de conhecer os ícones do cardápio, nosso amigo ainda pediu um Trio BBQ (três carnes com o molho barbecue). A costela realmente justifica ser um dos sucessos do cardápio, pois estava deliciosa, macia, desmanchava na boca! Mas as demais carnes não mereciam estar no rol dos pratos mais pedidos... Veio um pedaço de porco que não acrescentou nada ao sabor... O pior, porém, foi um frango desfiado coberto de molho, em cima de uma fatia de pão... No nosso paladar, foi galinha com pão de caixa e catchup. Não agradou...



3. Bebidas Nota 9 

O Restaurante apresenta boas opções de bebidas para os mais variados gostos.

Entre uma comida e outra, provamos alguns coquetéis e as cervejas de produção local, das quais a mais encorpada foi a Kunstmann, de Valdívia.



4. Facilidades (manobrista, táxi, estacionamento e localização) Nota 10

O fato de ficar num dos maiores centros de compras da capital Chilena o deixa em situação privilegiada. Se isto não bastasse, ainda tem o fato de ficar num dos seus melhores bairros, a Providência, e com estação de metrô praticamente na porta.




5. Atendimento Nota 10

No mais, o Hard Rock Café nos conquistou pela variedade do cardápio, pelo atendimento jovial, descontraído e atencioso. Valeu pela experiência!



6. Custo-Benefício Nota 8

Nosso exagero na quantidade de pratos acabou deixando nossa conta um pouco cara, mais por culpa nossa do que pelos preços praticados pelo restaurante.

Saldo por casal de CLP30.800,00 ou R$125,00. Com certeza muito melhor do que se estivéssemos num restaurante brasileiro do mesmo nível.


Avaliação Geral - 9,0 



Veja dicas de Santiago na publicação que fizemos sobre a Capital Chilena.

Acompanhe outras publicações da nossa viagem pelo ChileColômbia e Peru.



#Chile #Santiago #HardrockcafeSantiago

3 comentários:

  1. José Neto, você saberia me dizer se há filas nas casas de câmbio do centro? Ou vocês trocaram em casas de câmbio em Providência? Nesse seu post, entendi que no aeroporto e no shopping não vale muito a pena.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gustavo, Santiago é uma cidade bem preparada para o turismo. Não vimos filas nas casas de câmbio do centro nem dos outros locais. Entretanto, sugiro você observar as taxas do seu banco para saque utilizando o cartão de débito. Eles estão bem competitivos e há muita disponibilidade de caixas conveniados.

      Excluir
  2. Lugar lindo e agradável, mais infelizmente o atendimento deixou a desejar, principalmente por um dos anfitriões (David) do local. Que deixou eu e meu marido constrangidos ao nos chamar a atenção diante de todos, pelo fato de termos sentado à mesa, sem saber que tínhamos que passar por ele. Santiago é maravilhoso! Mais, não retorno ao Hard Rock.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...