domingo, 22 de dezembro de 2013

Fernando de Noronha - Dicas

Vista do Forte Nossa Sra. dos Remédios
Vai para Fernando de Noronha? Então não deixe de ler nossas dicas.



Vamos começar pela reserva do seu assento no avião. Opte pelos assentos do lado esquerdo da aeronave, principalmente se você vai de avião turbo-hélice que sobrevoa a ilha numa altitude bem baixa.

Quem quer conhecer a ilha precisa pagar a Taxa de Preservação Ambiental. Você tem duas opções de pagamento, ou faz antecipadamente pela Internet ou deixa para fazer no aeroporto. Não hesite em optar pelo pagamento antecipado pelo menos 3 dias antes da sua chegada, pois as filas são muito maiores para quem deixa para pagar na chegada. 


Em valores atuais, a taxa é de R$45,60 para um dia, mas o aumento não é linear e quem fica mais de 10 dias paga proporcionalmente muito mais à medida que a quantidade de dias da sua estada aumenta. Veja maiores detalhes no sítio da Administração da Ilha.


Além desta taxa, você também terá de pagar a taxa de entrada ao Parque Nacional Marinho (PARNAMAR) para acesso às principais atrações da Ilha. O parque é atualmente administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Pagamos R$75,00 por pessoa.


Outra dica importante é em relação à hospedagem. Deixando de lado as mais caras que não são realidade para a maioria dos mortais, quase a totalidade das pousadas são domiciliares, com estrutura relativamente precária. 


Escolhemos a Pousada Recanto dos Corais no Booking.com e pontuamos nossa estadia com 8,3. A pousada oferece boa estrutura e conforto para os padrões e limitações de Noronha.


Se sua dúvida é quanto tempo ficar, nós ficamos quatro dias e foi pouco para conhecer todas as atrações com a calma que o lugar merece. Eu ficaria mais dois dias pelo menos, mas isso logicamente depende do seu estilo de vida. Se quiser lugares movimentados, compras e coisas do gênero, aqui não é seu lugar. Noronha é para quem quer curtir a natureza em toda a sua exuberância e de quebra experimentar uma gastronomia surpreendente.


Gostaria de ressaltar que, além da maravilhosa natureza, um grande destaque da ilha é a receptividade do povo noronhense que se desdobra para atender aos seus visitantes da melhor forma, superando todas as dificuldades de um lugar onde quase tudo vem do continente. 


Aprenda que Mar de Fora é como é chamado o lado da ilha voltado para a Europa e a África, e o Mar de Dentro é o lado voltado para o Brasil. Sem a proteção natural da ilha, o de fora é bem mais bravo que o de dentro.


Não esqueça de registrar a menor BR do país (BR-363) com 7,5 Km. de extensão.


Em relação ao transporte, use e abuse do ônibus circular. Ele custa apenas R$3,00 e vai de um extremo ao outro da BR-363. O pequeno inconveniente é que ele só passa de 30 em 30 min, mas lembre-se que você está em Noronha e isso é motivo mais que suficiente para não ter pressa.


Optando pelos táxis, eles têm preço tabelado (não usam taxímetro). Como referência, uma corrida da Vila dos Remédios para o porto custou R$17,00. Se precisar, chame pela Nortáxi (fone 81 3619-1314).


Confira nossa viagem completa no post da Ilha.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...